Cora Coralina – A maior Poetisa do nosso estado

Você sabe alguma coisa sobre Cora Coralina?

Não? então vamos pesquisar sobre essa mulher extraordinária que viveu aqui pertinho de nós!

1 – Entre no site abaixo e descubra várias coisas interessantes sobre a Cora:

http://www.vilaboadegoias.com.br/cora_coralina/mais.htm

2 – Escreva o que mais lhe chamou a atenção na vida dela;

3 – Escreva qual o poema de Cora Coralina você mais gostou e diga o motivo.

Bom trabalho!

Abraços!

Profª Ana Maria Siqueira

22 Comentários »

  1. Bruno e Pedro Said:

    2 – Escreva o que mais lhe chamou a atenção na vida dela;

    Nós, Bruno Pedro gostamos muito desse trecho:

    Cora, Aninha, Anica, Anita era todas numa só, pequenina, franzina, eternamente atarefada, permanentemente escritora. Erram os que tentam reduzi-la à condição de poeta, ou poetisa. Era contista, cronista de tempos passados e presentes. Jornalista também, observadora distante e crítica, fiel redatora de fatos e acontecidos.

    Nós gostamos muito desse trecho porqu, ela tinha muitos apelidos e todos eram só uma pessoa,ela !!!

    3 – Escreva qual o poema de Cora Coralina você mais gostou e diga o motivo.

    Eu e o Pedro Gostamos muitissimo desse poema:

    O Passado…

    O salão da frente recende a cravo.
    Um grupo de gente moça
    se reúne ali.
    “Clube Literário Goiano”.
    Rosa Godinho.
    Luzia de Oliveira.
    Leodegária de Jesus,
    a presidência.

    Nós, gente menor,
    sentadas, convencidas, formais.
    Respondendo à chamada.
    Ouvindo atentas a leitura da ata.
    Pedindo a palavra.
    Levantando idéias geniais.

    Encerrada a sessão com seriedade,
    passávamos à tertúlia.
    O velho harmônio, uma flauta, um bandolim.
    Músicas antigas. Recitativos.
    Declamavam-se monólogos.
    Dialogávamos em rimas e risos.

    D.Virgínia. Benjamim.
    Rodolfo. Ludugero.
    Veros anfitriões.
    Sangrias. Doces. Licor de rosa.
    Distinção. Agrado.

    O Passado…

    Homens sem pressa,
    talvez cansados,
    descem com leva
    madeirões pesados,
    lavrados por escravos
    em rudes simetrias,
    do tempo das acutas.
    Inclemência.
    Caem pedaços na calçada.
    Passantes cautelosos
    desviam-se com prudência.
    Que importa a eles o sobrado?

    Gente que passa indiferente,
    olha de longe,
    na dobra das esquinas,
    as traves que despencam.
    -Que vale para eles o sobrado?

    Quem vê nas velhas sacadas
    de ferro forjado
    as sombras debruçadas?
    Quem é que está ouvindo
    o clamor, o adeus, o chamado?…
    Que importa a marca dos retratos na parede?
    Que importam as salas destelhadas,
    e o pudor das alcovas devassadas…
    Que importam?

    E vão fugindo do sobrado,
    aos poucos,
    os quadros do Passado.

    Cora Coralina

    Porque fala sobre o passado e fala sobre as pessoas Goiânas.

  2. ALANDA GLLENDA E KELEN CRISTINA Said:

    2-O QUE MAIS NOS CHAMO ATENÇÃO FOI

    Ana Lins dos Guimarães Peixoto nasceu e cresceu na casa velha da ponte, construção maciça, erguida por escravos, nos idos de 1770 para abrigar o capitão-mor de Villa Boa de Goyaz, Antonio Souza Telles de Menezes. Conta-se que o capitão foi um inconfidente, desgarrado da turma de Minas e perdido no interior de Goiás. Morreu, ou foi mandado morrer, em 1804.

    3_ NOIS DUAS ACHAMOS OU POEMA MUITO BONITO SIGRINIFICA MUITO, ESSE POEMA FALA DE SENTIMENTO EU GOSTEI MUITO DELE

    Saber Viver

    Não sei… Se a vida é curta
    Ou longa demais pra nós,
    Mas sei que nada do que vivemos
    Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

    Muitas vezes basta ser:
    Colo que acolhe,
    Braço que envolve,
    Palavra que conforta,
    Silêncio que respeita,
    Alegria que contagia,
    Lágrima que corre,
    Olhar que acaricia,
    Desejo que sacia,
    Amor que promove.

    E isso não é coisa de outro mundo,
    É o que dá sentido à vida.
    É o que faz com que ela
    Não seja nem curta,
    Nem longa demais,
    Mas que seja intensa,
    Verdadeira, pura… Enquanto durar

  3. Tiffany e Ana Clara Lopes Said:

    alunas :Ana Clara Lopes e Tiffany.

    1-lemos o texto ,e o que nois achamos mais interessante foi ! veja na proxima pergunta.

    2-a gente achou interessante por que ela faz muitas poesias e todas legais ,por ser a poetisa mais famosa de Goias.

    3-Velo

    Estás morto, estás velho, estás cansado!
    Como um suco de lágrimas pungidas
    Ei-las, as rugas, as indefinidas
    Noites do ser vencido e fatigado.

    Envolve-te o crepúsculo gelado
    Que vai soturno amortalhando as vidas
    Ante o repouso em músicas gemidas
    No fundo coração dilacerado.

    A cabeça pendida de fadiga,
    Sentes a morte taciturna e amiga,
    Que os teus nervosos círculos governa.

    Estás velho estás morto! Ó dor, delírio,
    Alma despedaçada de martírio
    Ó desespero da desgraça eterna.

    Cora Coralina

    Nois gostamos desse poema porque fala sobre as pessoas mais velhas..

  4. Davi e Gabriel Said:

    Davi e Gabriel
    2- o que me chamo mais a atenção foi ela Flagrada em São Paulo pela Revolução Constitucionalista de 1932, alistou-se como enfermeira, costurou bibicos (bonés), uniformes, aventais. Depois encontrou outra causa. Bradou pela formação de um partido feminino, criou até o manifesto da agremiação”

    3 – eu gostei desse poema porque ele da uma lição de vida
    das criaçoes do tempo do espaço dos erros da vida humana
    Considerações de Aninha

    Melhor do que a criatura,
    fez o criador a criação.
    A criatura é limitada.
    O tempo, o espaço,
    normas e costumes.
    Erros e acertos.
    A criação é ilimitada.
    Excede o tempo e o meio.
    Projeta-se no Cosmos

  5. Karoline e Steffany. Said:

    Cora Coralina
    1) JÁ LI
    2)
    Cora Coralina foi uma mulher muito batalhadora a vida dela foi muito dificil desde os 15 anos. Ela foi costureira ,é fazia uniformes
    costurava roupas velhas e novas numa confecção criou até o manifesto da agremiação” é reivindicou. Ela trabalhou de enfermeira.Cora foi vencedora é guerreira.
    3) Mãe

    Renovadora e reveladora do mundo
    A humanidade se renova no teu ventre.
    Cria teus filhos,
    não os entregues à creche.
    Creche é fria, impessoal.
    Nunca será um lar
    para teu filho.
    Ele, pequenino, precisa de ti.
    Não o desligues da tua força maternal.

    Que pretendes, mulher?
    Independência, igualdade de condições…
    Empregos fora do lar?
    És superior àqueles
    que procuras imitar.
    Tens o dom divino
    de ser mãe
    Em ti está presente a humanidade.

    Mulher, não te deixes castrar.
    Serás um animal somente de prazer
    e às vezes nem mais isso.
    Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
    Tumultuada, fingindo ser o que não és.
    Roendo o teu osso negro da amargura.

    Cora Coralina
    Esse sim fala que todas as mães precisa fazer para os seus filho(a) ter amor.

  6. Hyago Said:

    2 – vendedora da Livraria José Olympio, em São Paulo, e proprietária do estabelecimento Casa dos Retalhos, em Penápolis SP. Voltou para Goiás em 1956, onde exerceu por mais de vinte anos a profissão de doceira.
    3 – “Poema com Açúcar”

    Para Aninha

    Doces e poemas

    Poemas que são doces

    Doces de poemas

    De Cora doceira

    De Cora da ponte

    De Cora da fonte…
    pq fala sobre açucar

  7. Marcelo e Carlos Eduardo Said:

    Marcelo e Carlos Eduardo
    2-_- , Cora Coralina nasceu em 20 de agosto de 1889, na casa que pertencia à sua família há cerca de um século e que se tornaria o museu que hoje reconta sua história. Filha do Desembargador Francisco de Paula Lins dos Guimarães Peixoto e Jacita Luiza do Couto Brandão, Cora, ou Ana Lins dos Guimarães Peixoto (seu nome de batismo), cursou apenas as primeiras letras com mestra Silvina e já aos 14 anos escreveu seus primeiros contos e poemas. Tragédia na Roça foi seu primeiro conto publicado.

    3:D
    Considerações de Aninha

    Melhor do que a criatura,
    fez o criador a criação.
    A criatura é limitada.
    O tempo, o espaço,
    normas e costumes.
    Erros e acertos.
    A criação é ilimitada.
    Excede o tempo e o meio.
    Projeta-se no Cosmos

    Cora Coralina

    por que fala sobre acriação que e limitada por que nao podemos fazer tudo

  8. Adriela e Ana paula Said:

    Cora Carolina

    2-Eu Adriela e Ana paula achamos muito enteresante
    que ela e uma mulher guerreira; que nunca desistiu dos seus
    sonhos.

    3-Considerações de Aninha

    Melhor do que a criatura,
    fez o criador a criação.
    A criatura é limitada.
    O tempo, o espaço,
    normas e costumes.
    Erros e acertos.
    A criação é ilimitada.
    Excede o tempo e o meio.
    Projeta-se no Cosmos
    Cora Coralina

    nós achamos muito bom
    porque ela fala da criatura e também da criação.

  9. Ana Cláudia Said:

    2- Cora Coralina se chama Ana Lins de Guimarães Peixoto Bretas, mais todos a conhecia como Aninha da Ponte da Lapa.
    Sua prfisão era doceira.
    Publicou seu primeira livro quando tinha 75 anos de idade. Ficou famosa mesmo poque seu livro foi parar na mão de Carlos Drummond de Andrade, quando ela tinha seu 90 anos.

    3- Mãe

    Renovadora e reveladora do mundo
    A humanidade se renova no teu ventre.
    Cria teus filhos,
    não os entregues à creche.
    Creche é fria, impessoal.
    Nunca será um lar
    para teu filho.
    Ele, pequenino, precisa de ti.
    Não o desligues da tua força maternal.

    Que pretendes, mulher?
    Independência, igualdade de condições…
    Empregos fora do lar?
    És superior àqueles
    que procuras imitar.
    Tens o dom divino
    de ser mãe
    Em ti está presente a humanidade.

    Mulher, não te deixes castrar.
    Serás um animal somente de prazer
    e às vezes nem mais isso.
    Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
    Tumultuada, fingindo ser o que não és.
    Roendo o teu osso negro da amargura.

    Cora Coralina.

  10. marcos Said:

    2-o que me chamou mais atenção foi a coragem dela. Porque ela era diferente das mulheres da sua época e cursou apenas as primeiras letras com mestra Silvina e já aos 14 anos escreveu seus primeiros contos e poemas.
    3. Renovadora e reveladora do mundo
    A humanidade se renova no teu ventre.
    Cria teus filhos,
    não os entregues à creche.
    Creche é fria, impessoal.
    Nunca será um lar
    para teu filho.
    Ele, pequenino, precisa de ti.
    Não o desligues da tua força maternal.

    Que pretendes, mulher?
    Independência, igualdade de condições…
    Empregos fora do lar?
    És superior àqueles
    que procuras imitar.
    Tens o dom divino
    de ser mãe
    Em ti está presente a humanidade.

    Mulher, não te deixes castrar.
    Serás um animal somente de prazer
    e às vezes nem mais isso.
    Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
    Tumultuada, fingindo ser o que não és.
    Roendo o teu osso negro da amargura.

    Cora Coralina
    O MEU MOTIVO E QUE FALAR DE MÃE E UMA PESSOA MUITO CUIDADOSA

  11. sergio e thamara Said:

    2-o que me chamou mais atenção foi a coragem dela. Porque ela era diferente das mulheres da sua época e
    3. Renovadora e reveladora do mundo
    A humanidade se renova no teu ventre.
    Cria teus filhos,
    não os entregues à creche.
    Creche é fria, impessoal.
    Nunca será um lar
    para teu filho.
    Ele, pequenino, precisa de ti.
    Não o desligues da tua força maternal.

    Que pretendes, mulher?
    Independência, igualdade de condições…
    Empregos fora do lar?
    És superior àqueles
    que procuras imitar.
    Tens o dom divino

  12. Abimael Said:

    ANA CLARA E SAMUEL

    2- eu achei interecante porque ser a melhor do estado de goias nao e para quauquer um.

    3-o melhor texto de coracoralina foi o pema humiudade,alhe muito intere cante e serve para aqueles que si acham se demais…

  13. Leonardo e João Lucas Said:

    Leonardo e João Lucas
    2-Voz viva da cidade de Goiás,personagem e simbolo da tradicao da
    vida interiorana,Cora Coralina nasceu em 20 de agosto de 1889,na casa que pertencia à sua familia hà cerca de século e que se tornaria o museu que hoje reconta sua história.

    3-Melhor do que a criatura,
    fez o criador a criação.
    A criatura é limitada.
    O tempo, o espaço,
    normas e costumes.
    Erros e acertos.
    A criação é ilimitada.
    Excede o tempo e o meio.
    Projeta-se no Cosmos

    Cora Coralina

    gostamos desse poema por que ele tràs muitas coisa boas.

  14. rodrigo e micael Said:

    RODRIGO e MICAEL Mãe

    Renovadora e reveladora do mundo
    A humanidade se renova no teu ventre.
    Cria teus filhos,
    não os entregues à creche.
    Creche é fria, impessoal.
    Nunca será um lar
    para teu filho.
    Ele, pequenino, precisa de ti.
    Não o desligues da tua força maternal.

    Que pretendes, mulher?
    Independência, igualdade de condições…
    Empregos fora do lar?
    És superior àqueles
    que procuras imitar.
    Tens o dom divino
    de ser mãe
    Em ti está presente a humanidade.

    Mulher, não te deixes castrar.
    Serás um animal somente de prazer
    e às vezes nem mais isso.
    Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
    Tumultuada, fingindo ser o que não és.
    Roendo o teu osso negro da amargura.

    Cora Coralina

    pergunta2.
    o que me chamou mais atenção na vida dela foi que ela e a mulher que escreve os melhores poemas de Goiania
    pergunta.3.
    eu gostei de mãe renovaDORA por que ele e muito bom.

  15. jamili e rayllane. Said:

    -2
    A voz era apaixonada, vibrante. Transbordava do coração, atravessava as cordas vocais, ganhava emoção ao ritmo das mãos, os olhos vivazes acompanhavam o tom. Histórias, poemas, contos, causos, opiniões fluíam ao ritmo entoado por Cora, mestre na arte de declamar e interpretar, capaz de confundir desavisados sobre o que era realidade, o que era fantasia. 3eu naõ gostei de nemhun deles .

  16. RAYLLANE. Said:

    1-JA LEMOS O TEXTO 2-
    “Flagrada em São Paulo pela Revolução Constitucionalista de 1932, alistou-se como enfermeira, costurou bibicos (bonés), uniformes, aventais. Depois encontrou outra causa. Bradou pela formação de um partido feminino, criou até o manifesto da agremiação 3-EUGOSTEI MAIS DESSEPOEMA PORQUEALEM DELE SER INTERESANTE É SOBRE A VIDA EU ACHEI ISSO MUITO LEGAL. Saber Viver

    Não sei… Se a vida é curta
    Ou longa demais pra nós,
    Mas sei que nada do que vivemos
    Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

    Muitas vezes basta ser:
    Colo que acolhe,
    Braço que envolve,
    Palavra que conforta,
    Silêncio que respeita,
    Alegria que contagia,
    Lágrima que corre,
    Olhar que acaricia,
    Desejo que sacia,
    Amor que promove.

    E isso não é coisa de outro mundo,
    É o que dá sentido à vida.
    É o que faz com que ela
    Não seja nem curta,
    Nem longa demais,
    Mas que seja intensa,
    Verdadeira, pura… Enquanto durar

  17. RAYLLANE E JAMILE. Said:

    1-JA LI O TEXTO 2-Flagrada em São Paulo pela Revolução Constitucionalista de 1932, alistou-se como enfermeira, costurou bibicos (bonés), uniformes, aventais. Depois encontrou outra causa. Bradou pela formação de um partido feminino, criou até o manifesto da agremiação”

    3-Saber Viver

    Não sei… Se a vida é curta
    Ou longa demais pra nós,
    Mas sei que nada do que vivemos
    Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

    Muitas vezes basta ser:
    Colo que acolhe,
    Braço que envolve,
    Palavra que conforta,
    Silêncio que respeita,
    Alegria que contagia,
    Lágrima que corre,
    Olhar que acaricia,
    Desejo que sacia,
    Amor que promove.

    E isso não é coisa de outro mundo,
    É o que dá sentido à vida.
    É o que faz com que ela
    Não seja nem curta,
    Nem longa demais,
    Mas que seja intensa,
    Verdadeira, pura… Enquanto durar

  18. Adriela e Ana paula Said:

    daniel carlos

    Não sei… Se a vida é curta
    Ou longa demais pra nós,
    Mas sei que nada do que vivemos
    Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

    Muitas vezes basta ser:
    Colo que acolhe,
    Braço que envolve,
    Palavra que conforta,
    Silêncio que respeita,
    Alegria que contagia,
    Lágrima que corre,
    Olhar que acaricia,
    Desejo que sacia,
    Amor que promove.

    E isso não é coisa de outro mundo,
    É o que dá sentido à vida.
    É o que faz com que ela
    Não seja nem curta,
    Nem longa demais,
    Mas que seja intensa,
    Verdadeira, pura… Enquanto durar

  19. Ana Cláudia , Sérgio e Ana Clara F. Said:

    Cora Coralina!

    2- Publicou seu primeiro livro aos 75 anos de idade. Ficou famosa principalmente quando suas obras chegaram até as mãos de Carlos Drummond de Andrade, quando ela tinha quase 90 anos de idade.

    3- Mãe

    Renovadora e reveladora do mundo
    A humanidade se renova no teu ventre.
    Cria teus filhos,
    não os entregues à creche.
    Creche é fria, impessoal.
    Nunca será um lar
    para teu filho.
    Ele, pequenino, precisa de ti.
    Não o desligues da tua força maternal.

    Que pretendes, mulher?
    Independência, igualdade de condições…
    Empregos fora do lar?
    És superior àqueles
    que procuras imitar.
    Tens o dom divino
    de ser mãe
    Em ti está presente a humanidade.

    Mulher, não te deixes castrar.
    Serás um animal somente de prazer
    e às vezes nem mais isso.
    Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
    Tumultuada, fingindo ser o que não és.
    Roendo o teu osso negro da amargura.

  20. Adriela e Ana paula Said:

    Cora Coralina

    2- Nois achamos que cora coralina
    e uma mulher que luta pelas coisas da vida e ela nunca desistiu dos seus sonhos.

    3-
    Considerações de Aninha

    Melhor do que a criatura,
    fez o criador a criação.
    A criatura é limitada.
    O tempo, o espaço,
    normas e costumes.
    Erros e acertos.
    A criação é ilimitada.
    Excede o tempo e o meio.
    Projeta-se no Cosmos

    Cora Coralina.

    Nois gostamos muito
    por que ele fala da criatura
    e da criação.

  21. Monique e Karolaine Said:

    alunas;monique e karolaine
    1)ja lemos
    2)nos achamos mais enteresante sobre a vida de cora coraline foi que ela faz poemas para crianca adulto e adolesente
    3) Mãe

    Renovadora e reveladora do mundo
    A humanidade se renova no teu ventre.
    Cria teus filhos,
    não os entregues à creche.
    Creche é fria, impessoal.
    Nunca será um lar
    para teu filho.
    Ele, pequenino, precisa de ti.
    Não o desligues da tua força maternal.

    Que pretendes, mulher?
    Independência, igualdade de condições…
    Empregos fora do lar?
    És superior àqueles
    que procuras imitar.
    Tens o dom divino
    de ser mãe
    Em ti está presente a humanidade.

    Mulher, não te deixes castrar.
    Serás um animal somente de prazer
    e às vezes nem mais isso.
    Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
    Tumultuada, fingindo ser o que não és.
    Roendo o teu osso negro da amargura.

    Cora Coralina

  22. Iasmin Cristina Said:

    iasmin cristina
    Cora Coralina
    1-
    2- Oque mais me chamou a atenção,foi que a Cora Coralina,começou a escrever seus primeiros textos aos quatorze anos de idade.
    E mesmo sem muita escolaridade,publicou seu primeiro conto:Tragédia na Roça.

    3- Se temos de esperar
    que seja para colher a semente boa
    que lançamos hoje no solo da vida.
    Se for para semear,
    então que seja para produzir
    milhões de sorrisos,
    de solidariedade e amizade.

    Eu gostei deste poema porque fala um pouco de humildade,da vida e da espera de um futuro organizado.


{ RSS feed for comments on this post} · { TrackBack URI }

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: